Creta – Palácio de Knossos

Creta – Palácio de Knossos

26 Outubro, 2016 0 Por Piki

O nosso último dia em Creta começou cedo, ainda estávamos em Chania e não podíamos deixar a ilha sem visitar o palácio de Knossos, como tínhamos voo nesse dia teve de ser tudo a correr.

Chegámos a Knossos 3 horas antes de termos de estar no aeroporto para apanhar o avião novamente para Atenas, o dia estava quente, muito muito quente e isso a juntar a termos feito tantos kilómetros desde Chania fez com que nos sentíssemos verdadeiros minotauros no palácio!

knossos

Um pouquinho de história

O Palácio de Knossos foi erguido por volta de 1900 a.c., mais tarde foi destruído por um terremoto e reerguido em 1700 a.c. as ruínas existentes hoje datam dessa segunda construção. Knossos era o maior e mais sofisticado dos Palácios de Creta e foi o centro político da civilização minoica.

Com o objetivo de preservar as ruínas e oferecer uma melhor visão do Palácio de Minos, partes do Palácio foram restauradas pelo inglês Arthur Evans entre 1900 e 1929.

knossos1

knossos2

knossos3

Não podia deixar de falar num dos elementos que conferem mais curiosidade ao Palácio de Knossos, a lenda do Minotauro.

Conta a lenda que o Rei Minos pediu a Poseidon para o tornar rei. O deus aceitou conceder-lhe o trono em troca do sacrifício de um touro branco em sua homenagem. Quando recebeu o touro dos mares, o novo rei ficou tão impressionado com a beleza do animal que resolveu sacrificar outro touro, tentando enganar o deus dos mares.

Poseidon descobriu e entrou em ira. Como castigo fez com que Pasífae, a esposa de Minos, se apaixonasse pelo touro. Ela engravidou do animal (credo…) e da união nasceu o Minotauro. Desesperado, Minos pediu a Dédalos e a seu filho Ícaro que construíssem um labirinto gigante para prender o monstro. Supostamente o labirinto foi construído no subsolo do Palácio de Knossos, no entanto até hoje este labirinto não foi encontrado.

Com a derrota do rei Egeu, Minos impôs um tributo de sete rapazes e sete raparigas que deviam ser sacrificados ao Minotauro anualmente. Após o terceiro ano de sacrifícios, o grego Teseu resolveu ir a Creta matar o Minotauro. Ao chegar à ilha, Ariadne, filha do rei Minos, apaixonou-se pelo herói grego e resolveu ajudá-lo, entregando-lhe um novelo de lã para que Teseu pudesse guiar-se pelo labirinto e não se perdesse ao voltar. Foi então que Teseu conseguiu matar a criatura e salvou outros atenienses que ainda estavam vivos dentro do labirinto.

knossos6

knossos7

knossos8

knossos9

knossos4

Com tudo isto é fácil perceber que quem vai a Knossos facilmente se deixa envolver na sua magia e mitologia e a visita ao palácio é única e imperdível. O estacionamento é fácil porque existe um parque gratuito mesmo junto à entrada do portão principal e apenas aconselho a quem for na hora de maior calor, não se esquecer do chapéu e águas frescas porque faz realmente muito calor.

Nós fomos dali a correr para o aeroporto e a nossa viagem por Creta estava mesmo no fim, mas aproveitámos bem e trouxemos connosco o principal, memórias e experiências novas!

Boas Viagens! 🙂